• Eduardo Sato

Telescópio Hubble detecta estrela mais distante já observada


Esquema de detecção da estrela Earendel. Fonte: Science: NASA, ESA, Brian Welch (JHU), Dan Coe (STScI); Image processing: NASA, ESA, Alyssa Pagan (STScI)

Earendel é a estrela mais distante que conhecemos, está a incríveis 28 bilhões de anos-luz da Terra e foi detectada pelo telescópio Hubble no final de março de 2022. A luz medida demorou 12,9 bilhões de anos para chegar até o detector do Hubble, mostrando uma estrela que existia quando o universo tinha apenas 900 milhões de anos.


Pode parecer estranho que existam objetos detectáveis em uma distância tão grande, visto que o universo tem 13,8 bilhões de anos. A intuição nos diz que o universo observável, isto é, a região do universo que podemos “enxergar”, deveria ter um raio de 13,8 bilhões de anos-luz. Porém devido a dinâmica de evolução do universo, em especial, devido a um período na história do universo chamado inflação cósmica onde o universo expandia mais rápido que a luz, temos que o raio do universo observável é 46,5 bilhões de anos-luz.


Assim, ainda temos uma grande região do universo que poderá ser estudada por telescópios mais modernos, como o James Webb, lançado em dezembro de 2021. O James Webb também tomará dados da Earendel em outros comprimentos de onda e poderá fornecer mais dados sobre esta estrela que existiu nos primórdios do universo e pode oferecer pistas fantásticas sobre a evolução do nosso universo.


Earendel tem cerca de 50 vezes a massa do nosso Sol e foi detectada com uma técnica chamada lenteamento gravitacional, onde uma galáxia no caminho entre a estrela e a Terra distorce o espaço-tempo e serve como uma lente para o sinal luminoso da estrela, facilitando a detecção.


O nome é uma referência ao universo de Senhor dos Anéis, sendo um personagem com a história contada no livro Silmarillion de J.R.R. Tolkien. E você? Se fizesse uma grande descoberta científica, homenagearia uma obra da literatura?


Fonte e Saiba mais:

[1] Record Broken: Hubble Spots Farthest Star Ever Seen. NASA.gov


12 visualizações0 comentário